Estágio probatório: direito à greve protegido

Hoje (10) aconteceu a primeira reunião entre servidores da Semtas e o advogado fulano de tal, da Assessoria Jurídica do Sinsenat, para sanar dúvidas sobre a participação na greve durante o estágio probatório.

Na ocasião, foi explanado que não há diferenciação nos direitos: todos podem participar do movimento grevista sem a imposição de faltas, corte nos salários ou mesmo assédio e perseguição.

Amanhã (11), às 8h, um novo encontro acontece auditório da Entidade.

1dsc_0238dsc_0240dsc_0261dsc_0274

Categorias: Notícias do Sinsenat

Acompanhe as notícias do Sinsenat

Acompanhe e divulgue as notícias do Sinsenat nas redes e mídias sociais

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s